Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2009

O que é melhor investir em fundos ou por conta própria através do homebroker?

Os fundos de investimento sem dúvida são a melhor opção para o investidor leigo, que pouco conhece sobre investimentos. Quando o investidor coloca o dinheiro em um fundo ele delega a escolha dos ativos a um gestor especializado em investimento. No fundo a aplicação de um investidor se soma a de outros investidores tornando possível por exemplo comprar ações de mais de dez empresas diferentes, enquanto sozinho não conseguiria comprar se quer um lote de ações de uma empresa.

Aplicar via homebroker, no entanto, é uma boa opção para quem tem conhecimento e gosta de ter controle sobre o que faz, tenho a opinião de que o pequeno investidor obtém algumas vantagens sobre os fundos:

1. Não paga taxa de administração;
2. Compra e vende por preço melhores devido ao baixo volume de investimento
3. Os dividendos da empresa são tributados uma única vez, na fonte, ao contrário dos fundos que são bi-tributados.
4. O investidor entra e sai consciente do valor investido, ao contrário dos fundos em que ele n…

Como investir em Títulos Públicos através do Tesouro Direto?

Imagem
Tesouro Direto

A emissão de títulos é a forma do governo pegar dinheiro emprestado, ou seja se financiar. O comprador dos títulos paga de imediato pelo título que tem um prazo de vencimento que pode variar de poucos meses até mais de 30 anos e recebe do governo um pagamento referente aos juros semestralmente ou no final vencimento do título dependendo das especificações do título que ele investir.

Quando investimos em um fundo de renda fixa a maior parte ou todo o dinheiro investido vai para títulos do governo. Os fundos de investimento que alocam mais da metade do seu capital em títulos privados precisam ter no nome o aviso: "crédito privado", indicando que o risco de investir naqueles fundo é maior, ou seja, quando o fundo for apenas "renda fixa" a maior parte do dinheiro está sendo investida em títulos públicos.

Investir diretamente em títulos do tesouro, no entanto, pode ser bem mais rentável que investir em fundos de renda fixa, pois conforme já foi dito os banc…

Como investir em Ações?

Para investir em ações você tem duas opções:

Investir em um fundo de ações ou Comprar ações diretamente.

O fundo de ações é um tipo de investimento parecido com um condomínio, administrado por um gestor que toma as decisões de investimentos pra os participantes do fundo, conhecidos como quotista. Nos fundos de ações quem compra e vende as ações é o gestor do fundo.

Dica: A maior parte dos bancos possuem fundos de ações para oferecer aos seus clientes, então se quiser investir em um fundo de ações converse com o seu gerente, porém fique atento a taxa de administração que deve ficar em torno de 2% ao ano evitando investir em fundo de ações que cobrem taxas muito altas, observe também o histórico de rendimento do fundo e sua composição (empresas que compõem o fundo).

Quem quiser comprar ações diretamente pode fazer de duas formas:

1. Telefone - investimento conhecido como "Mesa de Operações", pois do outro lado da linha um corretor fará as operaçõs de compra e venda das ações para o…

O que é um título de capitalização?

Imagem
O que é um título de capitalização?

Os títulos de capitalização são vendidos pelos bancos como um produto de investimento em que o aplicador além dos rendimentos da capitalização ainda participa de sorteios concorrendo a prêmios em dinheiro. Os bancos constituem empresas específicas para comercializar este produto, já que os títulos de capitalização só podem ser vendidos pelas sociedades de capitalização, assim existem empresas específicas ligadas a cada banco tais como Brasilcap Capitalização (Banco do Brasil), Caixa Capitalização (Caixa Econômica Federal), Itaú Capitalização (Itaú), etc.

Os títulos de capitalização, assim como as empresas são fiscalizados pelo governo através da SUSEP. Antes de investir entre na página da SUSEP na internet e verifique se a empresa está autorizada a comercializar esse título de capitalização.

Como Funciona:

Os compradores de títulos de capitalização podem escolher duas modalidades: Pagamento Único (PU) em que o pagamento é feito de uma única vez ou Pa…

Como funciona a poupança?

Imagem
O que é Poupança?
A poupança é um produto financeiro tradicional em que o investidor deposita o dinheiro no banco, que repassa para tomadores de empréstimo como por exemplo produtores da área rural que necessitam de empréstimo para custeio de sua produção, ou empresários da construção civil que precisam de empréstimos para iniciar obras de saneamento e habitação. Os recursos oriundos da poupança são muito importantes para o crescimento do país, quanto maior o nível da poupança maior a facilidade de um país financiar o seu crescimento.
A poupança é uma modalidade de investimento bastante simples. Qualquer um pode abrir uma conta poupança, sua grande vantagem é não pagar imposto de renda (modalidade pessoa física) e não ter custo de manuntenção, além de ser extremamente fácil de obter uma conta, pois não necessita de comprovação de renda, nome "limpo" no cadastro do serasa e outras exigências comuns a abertura de uma conta corrente. Qualquer um que tenha um CPF pode abrir uma co…

Quais são os riscos de investir em renda fixa?

Imagem
Os fundos de investimento de renda fixa alocam os seus recursos em papéis que rendem juros. Os investimentos são divididos em títulos públicos e títulos privados.

Títulos Públicos
Os títulos públicos emitidos pelo tesouro são considerados papéis de baixo risco, uma vez que as chances do tesouro não pagar aos seus credores são remotas, quando isso acontece dizemos que o governo decretou a moratória e o pagamento dos juros por parte do governo ficam suspensos. Isso já aconteceu com o México, Rússia e mais recentemente com a Argentina. O Brasil também passou por isso no final da década de 80 durante o governo de José Sarney, no entanto, hoje investir em títulos do tesouro brasileiro é considerado um investimento de baixo risco pelas agências internacionais de rating, o Brasil tem um selo dado pelas principais agências que o coloca em um status de "grau de investimento".

Prefixados e Pós-Fixados
Apesar da possibilidade do governo brasileiro dar o calote hoje ser considerada impr…

O que é taxa de administração?

Imagem
Como já foi dito anteriormente, quando colocamos nosso dinheiro em um fundo de investimento ele se somará aos recursos de outros investidores (cotistas) e será gerido por gestores especializados autorizados pela CVM, que escolherão onde os recursos serão alocados, isso no entanto tem um custo: a taxa de administração.

A taxa de administração é um percentual com base anual cobrado mensalmente sobre o patrimônio médio do fundo de investimento.

Como assim?

Imagine que um fundo cobra uma taxa de administração de 4,8% ao ano. Isso quer dizer que o fundo terá que render quase 5% em um ano para "empatar" o valor dos cotistas, ou seja, quanto maior a taxa de administração, pior para o investidor.

Exemplo:

Um fundo que possui uma taxa de administração de 4,8% a.a, cobrará 0,4% ao mês (4,8% ao ano dividido por 12 meses) sobre o patrimônio para administrar o dinheiro dos cotistas, esse valor incide sobre a saldo médio mensal do fundo.

Um investidor aportou R$ 10.000,00 no início do mês em …

O que é um fundo de Investimento?

Imagem
Alguém sempre comenta que é melhor colocar o dinheiro em um fundo de investimento do que na poupança, mas afinal o que é um fundo de investimento?

Apesar de na maioria das vezes serem vendidos pelos bancos, os fundos de investimento possuem um CNPJ próprio, ou seja é uma "empresa" independente do banco e funciona da seguinte forma: Especialistas gerenciam o dinheiro do investidor e cobram para administrar esses recursos.

Existem diversos tipos de fundo de investimento: Fundos de Renda Fixa, Fundos de Ações, Fundos Cambiais, etc.

Mesmo dentro dos grandes grupos existem fundos específicos como fundo de ações específicos de empresas da área de telefonia, ou fundos de renda fixa que só investem em papeis pós-fixados (fundos DI).

A grande vantagem dos fundos de investimento é delegar a decisão de investimento a um especialista da área. Exemplo: Dessa forma não preciso entender de ações para investir nesse tipo de ativo, basta que eu escolha um bom fundo de investimento em ações.

O l…

O que significa Investimento em Renda Fixa?

Imagem
O que é Renda Fixa?

Em finanças investir em RENDA FIXA significa investir em ativos financeiros cujo o retorno financeiro é todo ou em sua maior parte conhecido.

Os investimentos em RENDA FIXA podem ser divididos em Pré-Fixados e Pós-Fixados:

Ativos Pré-Fixados - Quando o retorno é totalmente conhecido. Exemplo: Investir em um título com um rendimento de 10% a.a.

Ativos Pós-Fixados - Quando o retorno é parcialmente conhecido, pois depende de um índice ou uma taxa de referência. Exemplo: Investir em um título com rendimento de 6% a.a + IPCA (inflação medida pelo IBGE).

Exemplos de Renda fixa: POUPANÇA, CDB, Títulos Públicos (emitidos pelo governo), Títulos Privados (emitidos por empresas).

O Investimento em Ações pode ser classificado como renda fixa? Não. Não sei quanto vou ganhar investindo em ações, vai depender do mercado, logo o investimento em ações é classificado como RENDA VARIÁVEL.

O que é After-Market?

Imagem
After-Market em tradução literal quer dizer "após o mercado".
O pregão principal da Bovespa funciona no horário das 10:00 até as 17:00 horas.

Após o fechamento, depois de meia hora (17h30), a bolsa abre novamente e funciona até as 19h00, esse período de funcionamento é conhecido como After-Market ou simplesmente "After".

Algumas peculiaridades:

Das 17h30 até 17h45 ocorre a pré abertura, onde as ordens dadas dentro do horário normal de funcionamento poderão ser canceladas, só após esse horário é que ocorrerão as negociações de ações.

No After Market não se negocia opções.

O valor das ações não pode subir nem cair mais de 2% em relação ao valor de fechamento do horário normal.

Existe um limite de operações de R$ 900 mil por pessoa.

Ações que não foram negociadas no pregão normal não poderão ser negociadas no "After".

O que é Daytrade?

Imagem
DAYTRADE

Quando um operador compra e vende um ativo no mesmo dia, essa operação é chamada de Daytrade (Tradução literal = Troca do dia).

Os economistas dizem que operar daytrade é atirar no escuro, uma vez que a teoria econômica prega que no curto prazo os movimentos são aleatórios (Random Walk), ou seja, ninguém sabe para onde vai.

Além disso, comprar e vender ações no mesmo dia tem outros contras, o custo de corretagem, como você paga uma taxa para cada operação de compra ou venda, grande parte do lucro será destinado a pagar as taxas de corretagens cobradas pela corretora.

Quem compra e vende no mesmo dia também tem uma desvantagem fiscal, o IR sobre operações é mais alto: A alíquota é de 20% contra 15% das operações normais.

Bem...mas que o friozinho na barriga de operar daytrade é bom...ninguém pode negar!

Opero daytrade para jogar adrenalina na veia. Faço operações utilizando a margem (empréstimo) que a corretora me disponibiliza. Não pago nada por isso, pois fecho a operação no mes…

Dá para viver de bolsa? Trabalhar em casa no Homebroker?

Imagem
Sempre me perguntam: Dá para viver de bolsa?
Resposta: NÃO

Se quiser viver de bolsa vá ser analista, corretor, ... mas viver de lucros de bolsa não é racional, pelo menos para quem tem menos do que alguns milhões, além de ser quase impossível.

Bolsa é para colocar dinheiro. Não concordo com a idéia de viver de bolsa.

Imagine um cara que ganha consistentemente (sem nunca perder) a incrível taxa de 3% ao mês (Warren Buffet, o homem mais rico do mundo não consegue nem metade dessa taxa!) com operações na bolsa, esse mesmo cara começou com 100 Mil, e ele tira todo o lucro para se manter, ou seja meros 3 mil por mês, apesar da excelente taxa nas operações.

Daqui a 20 anos ele terá....os mesmos 100 mil.

Bem, se ele tivesse reinvestindo esse dinheiro ao longo do tempo ele teria mais de 100 MILHÕES após 20 anos.