Arquivo do blog

31 de dez. de 2011

Dissertação de Mestrado

Pessoal,

Abaixo a minha dissertação de mestrado escrita a 10 anos atrás (2002). * Se for de seu interesse use a vontade, porém não esqueça de citar (para não configurar plágio).

Baixe Aqui




Resumo:


As mudanças testemunhadas na economia brasileira após a introdução do Plano Real em julho de 1994, alçaram a questão de administração de risco de crédito a uma posição de destaque nas instituições financeiras nacionais. Antes disso, a alta inflação havia inibido o crescimento do mercado de empréstimos no país. 

A expansão das operações de crédito, no Brasil após o Plano Real foi abrangente em vários segmentos da economia, entretanto, as operações de crédito para pessoas físicas foram as que mais cresceram nos últimos anos. Nas últimas décadas diversos modelos estatísticos de probabilidade foram desenvolvidos pelas instituições financeiras, porém, estes modelos, na maioria das vezes, são específicos para o segmento de pessoas jurídicas. A funcionalidade de modelos estatísticos quando aplicados ao gerenciamento do crédito para pessoas físicas no Brasil ainda é uma incógnita.

Diante disso, este trabalho apresenta o desenvolvimento de modelos probabilísticos multivariados para o segmento de pessoas físicas em um banco de varejo brasileiro. Para a construção desses modelos aplicou-se às técnicas de regressão logística e análise discriminante. Foram desenvolvidos dois tipos de modelos: Modelos específicos para a concessão de crédito, e modelos específicos para o gerenciamento do risco de
crédito (behavioural scoring). Por fim faz-se uma avaliação comparativa das técnicas
estatísticas utilizadas e da funcionalidade dos modelos apresentados.

Download, Dissertação de Mestrado, Finanças, Risco de Crédito

28 de dez. de 2011

CPA - 10 - Turma em fevereiro

Atenção Pessoal. Confirmado - Nova Turma CPA 10 em fevereiro, aos sábados.

19 de dez. de 2011

Filme: O Homem Que Mudou o Jogo - Moneyball

Hoje assisti "O Homem que mudou o jogo (Moneyball)". O filme, baseados em fatos reais, conta a história de um gerente de um time de Baseball que dispensa o "olheiro" faz as contratações do time baseadas em um modelo econométrico de previsão e precificação de atletas, bolado por um recém-formado em economia egresso de Yale (na vida real foi um economista de Harvard). O filme mostra o duelo entre os modelos racionais baseados em cálculos de computador e a experiência de décadas dos profissionais de Baseball, a maioria ex-atletas, sem formação específica. 




...É claro que os economistas ganham o duelo!


* Se no mundo financeiro os gerentes de banco, pessoas mais preparadas, com faro, feeling e anos de experiência pedem a benção dos computadores (Credit scoring) antes de conceder um empréstimo, porque haveria de ser diferente no mundo esportivo? Os modelos de previsão baseados em escoragem comportamental são uma ferramenta de grande valor e sua capacidade de previsão para diferentes mercados não pode ser menosprezada.

13 de dez. de 2011

Nota sobre Cursos comercializados por terceiros.

Prezados Alunos,

No momento nenhuma empresa está autorizada a comercializar cursos em meu nome. Quem tiver interesses em fazer cursos preparatórios para certificações financeiras, concursos ou mercado de ações peço que entre em contato direto comigo através do telefone 81-8763.9425.

Obrigado,

Antônio Amorim

2 de dez. de 2011

SELIC

Fonte: Diário de Pernambuco 01/12/11

Achei esse quadro com um esquema-resumo da SELIC interessante, bom para quem está prestando provas para certificação financeira.

Economia do Futebol - Quem são os dez jogadores de futebol mais caros do Brasil? Quanto vale cada um deles?

Fonte: Diário de Pernambuco 01/12/111

O que me chamou atenção foi a idade deles, excluindo Ronaldinho Gaúcho o mais velho tem 23 anos, parece que quanto mais novo, maior tende a ser o valor do jogador, remetendo ao conceito de vida útil do bem, digo do atleta.

1 de dez. de 2011

Bancos valorizam cada vez mais as Certificações para Profissionais que Atuam na Área de Investimentos

Bancos valorizam cada vez mais as Certificações para Profissionais que Atuam na Área de Investimentos:


Nova propaganda do Banco do Brasil, reforça que a equipe do Private possui profissionais com a certificação internacional CFP ®.

16 de nov. de 2011

Cursos Ancord XP

O único curso que não será ministrado por mim será o de Porto Alegre, pois no mesmo dia estarei no Rio de Janeiro.

26 de out. de 2011

Melhoramos a cada Curso!

Nosso banco de questões e dicas é alimentado por nossos alunos, cada curso que ministramos crescemos juntos com nossos alunos, no início a maior parte dos nossos alunos passava com porcentagem entre 80% e 85%, atualmente, a maior parte dos Feedbacks que recebemos são de avaliações superiores a 90% na CPA 10.

Abaixo o último feedback recebido via facebook.




Obrigado a todos os alunos que vem colaborando com dicas pós-prova, crescemos juntos com vocês!

21 de out. de 2011

Novos Cursos Gratuitos da XP - Preparatórios para ANCORD

Olá Pessoal,

Em primeira mão para vocês as datas para os próximos cursos rápidos preparatórios para a prova da ANCORD (necessária para conseguir uma autorização da CVM para atuar como agente autônomo de investimentos) oferecido gratuitamente pela XP (http://www.xpi.com.br/), quem tiver interesse, sugiro visitar o site http://www.seunegociosemlimites.com.br/

Abaixo as datas:

São Paulo (XP - Av. Faria Lima) - 04 e 11 (Dezembro/2011)
Belo Horizonte -10 (Dezembro/2011)
Rio de Janeiro (XP - Barra) - 17 (Dezembro/2011)

19 de out. de 2011

Lattes

Link para Currículo no Sistema de Currículos Lattes:

http://lattes.cnpq.br/5024375317719927

16 de out. de 2011

Meta de Inflação

Para quem está estudando para Certificações Financeiras ou simplesmente quer entender um pouco mais sobre Macroeconomia:

Meta de Inflação

A política monetária brasileira tem como meta principal o controle da inflação. Isso significa dizer que entre crescer e gerar mais empregos ou controlar a inflação, o Brasil vai ficar com a segunda opção.

A meta de inflação brasileira é definida com antecedência de dois anos pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). O CMN é composto por três membros: Ministro da Fazenda, Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão e pelo Presidente do Banco Central

O índice de inflação utilizado como referência para a meta é o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Abaixo quadro com metas de inflação definidas entre o período 1999-2010, PIB e a inflação efetiva do período, no quadro consta também a meta de 2011 e uma previsão para o PIB do mesmo ano. Para os anos de 2012 e 2013 a meta foi mantida em 4,5% com espaço para + ou - 2% (min.=2,5%  e máx.=6,5%).

Será que conseguiremos cumprir a meta em 2011?




11 de out. de 2011

Novo Curso de CPA 10

Novo Curso de CPA 10

Informações: 81-8763.9425































Dias: As aulas serão divididas em 4 sábados (15/10, 22/10, 29/10 e 06/11).
Horário: 08h30-14h30 
Valor: R$ 295,00 (Divididos em até 3x no cheque ou cartão de crédito).
Contato: Dorotéia - 8614.8679 / 9605.8866  - certificacaofinanceira@gmail.com

6 de out. de 2011

O que é Taxa de Performance?

Alguns fundos de investimento além da taxa de administração, cobra também do investidor uma taxa com base na rentabilidade do fundo, chamada de taxa de performance.

A taxa de performance refere-se ao desempenho do fundo em relação ao seu referencial, caso ele supere o desempenho do seu Benchmark, uma parte do rendimento será do administrador do fundo (Banco, Corretora ou Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários).

Exemplo: Um fundo de ações cobra uma taxa de performance de 20%, e tem como Benchmark o IBOVESPA. Ao longo de um semestre o IBOVESPA rendeu 12% e o fundo de ações 22%.  O fundo superou o seu benchmark em 10%, o fundo então receberá 20% desse percentual, ou seja, receberá 2% (20% de 10%) como remuneração pela taxa de performance.

A idéia da taxa de performance é remunerar o fundo pelo seu desempenho, diferente da taxa de administração que incide sobre o patrimônio do fundo e assim remunera o administrador nos momentos de ganho e perda do fundo. Lembramos que os fundos que cobram taxa de performance, cobram também as taxas de administração, sendo remunerado então até duas vezes.

A taxa de performance é aplicada apenas em fundos de gestão ativa, aqueles que tem como objetivo superar o seu benchmark.

Nem todo fundo pode cobrar taxa de performance, segundo a classificação da CVM, os fundos de curto prazo, referenciados e os renda fixa de curto prazo não podem cobrar essa taxa de investidores comuns (não qualificados). Podem cobrar taxa de performance os fundos de renda fixa de longo prazo, os fundos cambiais, os fundos da dívida externa e os fundos multimercados (desde que esteja em seu regulamento).

Algumas regrinhas para cobrança da taxa de performance:

- O benchmark deve está de acordo com o objetivo de fundo.
* Fundo de Ações, por exemplo, tem que usar índice de ações como benchmark, não pode usar taxa de câmbio ou taxas de juros para "performar".

- Deve ser cobrada em ciclos mínimos de 6 meses.
* Ou seja, não pode ser cobrada mensalmente, bimestralmente, etc. Somente semestralmente, anualmente ou periodicidades maiores.

- O fundo deve usar 100% do benchmark.
* Usar 80% do benchmark seria fácil né? Imagina um fundo que tem a 80% da taxa DI como benchmark, mesmo ele ficando abaixo, com por exemplo 90% da taxa DI ele iria cobrar a taxa de performance, isso não pode!

- Se ele "perdeu" para o benchmark em períodos anteriores, ele vai ter que devolver a diferença para só então poder cobrar a taxa de performance, esse conceito se chama "Linha D'água". Imagine como seria fácil para um fundo de alto risco ganhar do benchmark em determinado semestre, ele se arriscaria muito, perderia, perderia, quando ganhasse cobraria a taxa de performance, não seria justo? Para cobrar o fundo precisa ter ganhos consistentes.

Por fim uma crítica a taxa de performance: os ganhos e perdas dos investidores e dos administradores/gestores são assimétricos: se o fundo ganhar, o investidor ganha e o administrador/gestor também ganha, se perder, só que perde são os investidores. Isso vai encorajar os administradores/gestores a se arriscar mais, uma vez que no máximo eles vão deixar de ganhar.

30 de set. de 2011

Fundo Garantidor de Crédito (FGC)

Fundo Garantidor de Crédito

Pessoal, um FAQ retirado do próprio site do FGC (www.FGC.org.br), bem interessante para quem está se preparando para as certificações financeiros.

Perguntas Frequentes
1.O que é o FGC ?

 É uma entidade privada, sem fins lucrativos, que administra o mecanismo de proteção aos correntistas, poupadores e investidores, contra instituições financeiras em caso de intervenção, liquidação ou falência.

2.Quais instituições financeiras são associadas ao Fundo Garantidor de Créditos - FGC?

 Conforme determina a Resolução 3.251, 16 de novembro de 2004, são instituições associadas do FGC os bancos múltiplos, os bancos comerciais, os bancos de investimento, os bancos de desenvolvimento, a Caixa Econômica Federal, as sociedades de crédito, financiamento e investimento, as sociedades de crédito imobiliário, as companhias hipotecárias e as associações de poupança e empréstimo, em funcionamento no Brasil, que:
   
  • recebem depósitos à vista, a prazo ou em contas de poupança;
  • efetuam aceite em letras de câmbio;
  • captam recursos mediante a emissão e a colocação de letras imobiliárias, letras hipotecárias e letras de crédito imobiliário.
3.Quais dos meus créditos são garantidos pelo Fundo Garantidor de Créditos - FGC ?

 A Resolução 3.400, de 6 de setembro de 2006 determina que são objeto da garantia proporcionada pelo FGC os seguintes créditos:

  • depósitos à vista ou sacáveis mediante aviso prévio;
  • depósitos em contas-correntes de depósito para investimento;
  • depósitos de poupança;
  • depósitos a prazo, com ou sem emissão de certificado;
  • depósitos mantidos em contas não movimentaveis por cheques destinadas ao registro e controle do fluxo de recursos referentes a prestação de serviços de pagamento de salários, vencimentos, aposentadorias, pensões e similares;
  • letras de câmbio;
  • letras imobiliárias;
  • letras hipotecárias;
  • letras de crédito imobiliário.
 Não são cobertos pela garantia:
  • os depósitos, empréstimos ou quaisquer outros recursos captados ou levantados no exterior;
  • as operações relacionadas a programas de interesse governamental instituídos por lei;
  • os depósitos judiciais;
  • os depósitos a prazo autorizados a compor o nível II do Patrimônio de Referência, de que trata a Resolução 2.837, de 30 de maio de 2001.

4.Qual o valor máximo garantido pelo FGC ?

 O valor máximo, por instituição, é de R$ 70.000,00 (setenta mil reais) por depositante ou aplicador, independentemente do valor total e da distribuição em diferentes formas de depósito e aplicação.

5.Quando os titulares do crédito são cônjuges ou dependentes, qual o valor a que cada um tem direito ?

 Os cônjuges são considerados pessoas distintas, seja qual for o regime de bens do casamento, ou seja, cada um receberá até o valor máximo de R$ 70.000,00. (setenta mil reais). O mesmo ocorre com os dependentes.(consultar Limite de Cobertura)

6.Por que o dinheiro que eu aplico em Fundos de Investimentos não tem garantia do FGC ?

 Os Fundos de Investimentos Financeiros são entidades constituídas sob a forma de condomínios abertos. É uma comunhão de recursos arrecadados de clientes para aplicação em carteira diversificada de ativos financeiros, cujos regulamentos são registrados em cartórios de títulos e documentos. Geralmente são administrados por uma instituição financeira e estão sujeitos a supervisão e acompanhamento do Banco Central do Brasil ou da CVM - Comissão de Valores Mobiliários, dependendo de sua natureza.
  
 A pessoa jurídica de um Banco não se confunde com a dos Fundos de Investimentos. Quando um banco sofre intervenção ou liquidação extrajudicial, a garantia para os cotistas desses Fundos consiste na própria carteira de ativos financeiros, que seguem normas específicas de administração que objetivam garantir segurança e transparência, de forma que o cliente pondere fatores, tais como: rentabilidade e risco quando da sua decisão de aplicar em um fundo de investimento financeiro.

Fonte: 
http://www.fgc.org.br/?ci_menu=59&conteudo=1

25 de set. de 2011

Curso Ancord XP em SP

Show de bola o curso na Av. FARIA LIMA em SP. Espero aprovação total está semana, turma com excelente nível, típica do mercado paulista. Gostei muito!



20 de set. de 2011

XP ancord - SP - 18/09/11


Aproximadamente 40 alunos  compareceram ao curso preparatório para prova de agente autônomo de investimentos - ANCORD promovido pela XP, na Av. Faria Lima em São Paulo. Dia 25/09, próximo domingo, teremos uma reprise do curso, no mesmo bat-local e no mesmo bat-horário (08h30). Parabenizo a turma pelo excelente nível, inclusive informo que já recebi diversos e-mails de alunos que estiveram presente no curso e foram aprovados. Desejo muito sucesso e dinheiro para aqueles que estão abraçando a profissão de agente autônomo de investimentos.





13 de set. de 2011

Recuperei meu Antigo Número














Olá Pessoal,

Como eu havia postado anteriormente, meu número havia sido roubado (portado para outro titular e operadora sem minha autorização), no entanto já consegui recuperá-lo.

Quem precisar falar comigo:

81- 8763.9425

12 de set. de 2011

Estrangeiros Dominam Operações na Bovespa


Abaixo dado retirado do boletim BMFBovespa sobre as operações de compra em agosto de 2011.

Quem mais comprou ações em agosto de 2011?

Medalha de Ouro para os Investidores Estrangeiros
Medalha de Prata para os Investidores Institucionais
Medalha de Bronze paras os Investidores Individuais (PF).

6 de set. de 2011

Curso Gratuito para Ancord - XP Investimentos

Olá Pessoal,

Dentro do projeto de capacitação de Agentes de Investimentos da XP estaremos mais uma vez em São Paulo nos Domingos 18/09 e 25/09, na Av. Brigadeiro Faria Lima 2179 (Em frente ao Shopping Iguatemi) ministrando curso rápido (8 horas) de preparação para a prova de Agentes Autônomos de Investimentos da Ancord. Interessado? Acesse www.seunegociosemlimites.com.br e cadastre-se na seção "afilie-se já".




5 de set. de 2011

Quer saber se a prova é difícil? Estatísticas da ANBIMA - Tire suas próprias conclusões!

Quer saber como anda o desempenho do pessoal na CPA 10, e na CPA 20? Qual é o % de pessoas que passam na CEA? CGA?

Saiu o sumário estatístico dos exames da ANBIMA 2011.1


Se o povo está indo bem ou mal, não sei afirmar com base nos dados, o que posso dizer é que as estatísticas do meus alunos estão infinitamente melhor!

Link: http://certificacao.anbid.com.br/zips/Sumario_Estatistico_2011_Completo.pdf

Relação dos Americanos com a Bolsa

 Acabo de voltar de Nova Iorque e estou impressionado como o mundo das finanças faz sucesso por aquelas bandas: Para começar, metade dos arranha-céus da cidade foram construídos por bancos ou seguradoras. No saguão e nos elevadores do hotel em que fiquei telas de LCD passavam incessantemente cotações da Bolsa. Na televisão diversos programas mostram comentários, cotações e análise de ações, no intervalo comercial das séries, propagandas de corretoras e homebrokers são tão comuns como propagandas de refrigerante.

Um programa específico me chamou mais atenção:o nome é Mad Money, e o apresentador Jim Cramer, apesar de ser um ex-gerente de um Hedge Fund  formado em Harvard dá um Show a la Ratinho ou Datena na frente das telas passando as cotações.

Na foto abaixo estou na frente do prédio da NASDAQ assistindo Mad Money (clicando na foto da para ver o cara do programa de TV).



Os prédios da NYSE (bolsa de Nova Iorque) e da NASDAQ estão entre os principais pontos turísticos da cidade.  Abaixo foto que tirei do prédio da NASDAQ que fica no meio da Time Square (Clique na foto para ver os detalhes da tela de alta definição).


O touro símbolo da bolsa de Nova Iorque é cultuado como se fosse uma figura santa, todas as lojas de Suvenirs vendem cópias chinesas da estátua de bronze do "Bull". Chegar perto dele é uma tarefa complicada, dada a quantidade de turistas querendo tirar fotos com o chifrudo.


Na entrada do Madison Square Garden, a primeira coisa que você ver é uma Loja da Charles Schwab, isso mesmo, "loja" e não escritório, a corretora vende ações como quem vende roupas, com direito a vitrines "descoladas" e tudo mais! ( na foto a corretora fica logo ao lado direito da entrada do M.S.G.).


Bem...se eles estão no futuro como muitos dizem, temos muito a percorrer até que os investimentos em ações sejam tão populares aqui no Brasil, como grande entusiasta do mercado de capitais, espero viver para ver tal dia.

4 de set. de 2011

Tesouro Direto

Características dos Títulos - Documento compacto do  tesouro direto.
Leitura Obrigatória para quem vai fazer CPA 10, CPA 20 ou ANCOR.

PDF com 3 páginas apenas!

Link http://www.tesouro.fazenda.gov.br/tesouro_direto/consulta_titulos/download/Caracteristicas.pdf

26 de ago. de 2011

Atenção - Número Roubado!

Roubaram o meu número 8763.9425

Fizeram a portabilidade sem a minha autorização, até o momento não consegui cancelar, vou ter que esperar a justiça, logo se alguém ligar desse número se passando por mim é golpe.

Quem tiver interesse nos cursos favor contactar a Sra. Dorotéia através do 8614.8679.

23 de ago. de 2011

Cursos ANCORD XP - Belo Horizonte e Rio de Janeiro

Nos dias 13/08 e 20/08, estivemos em Belo Horizonte-MG e no Rio de Janeiro ministrando cursos preparatórios rápidos para a prova da ANCORD pela XP Investimentos.



Gostaria de agradecer a XP pela oportunidade e aos alunos pela recepção e acolhimento. Dia 25/08 sai o resultado, aguardo o feedback de vocês.
Fico devendo as fotos de Belo Horizonte. Motivo: No intervalo fui me empanturrar com Pão de Queijo ao invés de tirar as fotos.


Saio de férias nesta sexta mas nos dias 18 e 25 de setembro estaremos novamente em São Paulo - Espaço da XP - Na Av. Brig. Faria Lima.

Espero vocês lá!

Fundos Alavancados: As perdas podem ser superiores aos patrimônios.

"Dêem-me um ponto de apoio e moverei a Terra." (Arquimedes)

Alguns fundos se utilizam de derivativos para aumentar a sua exposição ao risco e conseqüentemente lucrar mais. Esses fundos são chamados de alavancados, por causa do princípio da alavanca de Arquimedes. Quanto maior alavancagem, maior a possibilidade de lucros e maior também será a possibilidade de perdas, o aumento da alavancagem por vezes se traduz em aumento da volatilidade.

A estratégia de alavancagem é comum aos fundos agressivos/arrojados do tipo "multimercado", aqueles que investem em muitos mercados ao mesmo tempo, e também aos fundos de ações de gestão ativa (aqueles que tentam superar um índice de referência), e implica em operar somas maiores do que o patrimônio do fundo, o que leva a possibilidades de cotas negativas, ou seja, o investidor pode perder tudo que colocou no fundo e ser intimado a depositar ainda mais. Imagine a cara de um investidor que perdeu R$ 300 mil e recebeu uma cartinha pedindo para colocar mais R$ 200 mil no fundo para tapar o buraco!

Como saber se um fundo é alavancado? O investidor precisa ler o prospecto (documento que é entregue na hora da primeira aplicação), e ver se o regulamento permite que o fundo utilize estratégias com derivativos para alavancagem. Os fundos não alavancados apenas permitem o uso de derivativos para Hedge (proteção).

Abaixo um exemplo de um fundo alavancado que "quebrou", deixando os investidores em uma situação no mínimo muito desconfortável:

São Paulo - A BM&FBovespa acaba de informar que o fundo "Private" da gestora de recursos GWI deixou de liquidar débitos de operações realizadas na bolsa. Apenas no dia 8 de agosto a carteira perdeu 273,1%, ficando com seu patrimônio negativo em R$ 25 milhões. O fundo tem cerca de 500 cotistas de alta renda, com aplicação mínima de R$ 250 mil.


O "Private" opera de forma alavancada por meio de operações no mercado a termo e conta, segundo a página da aplicação na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), com posições em papéis como Marfrig, Eletrobras, Brasil Telecom e Petrobras.

Notícia completa em: http://exame.abril.com.br/mercados/noticias/fundo-gwi-private-deixa-de-liquidar-debitos-na-bolsa


10 de ago. de 2011

+ Feedbacks

Olá Pessoal,


Mais alguns feedbacks dos nossos cursos:


"Bom dia professor!! eu fiz o curso do CPA 10 no mês de julho aos sabádos, porém ontem eu recebi o resultado.. "um belo resultado".. eu passei com 90% referente a 45 questões. Estou muito feliz...Essa certificação vai mudar muita coisa na minha carreira profissional.... Muito obrigado pela força.. vc é um otimo professor...!! Vanessa Kelly (estagiária Banco Santander)"



Professor,

Fiz a minha prova na semana passada, 01/08 e até o momento não tinha recebido o retorno.

Entrei no site da Anbima e meu nome está lá como certificada. Aproveitei e liguei para a central e passei com 96% de acerto!!!

Obrigada e agora quero me preparar para o 20!

Maria Leticia Pimentel Cardoso


Quero compartilhar com vocês minha alegria informando-lhes que passei no exame CPA-10 com 84% de aproveitamento, 42 acertos em 50 questões. 
Quero agrader a importantíssima contribuição de vocês. Saibam que estou divulgando o curso pois fiquei bastante satisfeito.
E quando houver outra turma para CPA-20 eu quero ficar informado, a desse mês fica muito em cima para eu entrar... Mas quero fazer ainda este ano!
 
Muito obrigado Antônio!
Abração!

Tiago Valença Brandão 



Antonio, passei na prova CPA10 ... muito obrigada pela ajuda .




 Marcelo Rodrigues
Oi antonio amorim , fiz o curso aos sabado da cpa10 com vc. Consegui passar na prova com 86% 43 questoes. Cairam 11 questoes so sobre imposto de renda. Se nao fosse por isto acredito de daria para acertar mais algumas.mt obrigado pela paciencia!! Marcelo rodrigues gerente de qualidade bradesco!



Oi Antonio Amorim, tudo bem? Concluí o curso de CPA 10 com vc sábado passado e fiz a prova ontem. Fui aprovada com 80%. Muito obrigada, valeu mesmo.


Mais uma etapa cumprida: APROVADA na CPA 10 com 92% de acerto :D




Bem esses foram os feeds que consegui salvar de última hora, peço desculpas aos que enviaram e eu não achei a mensagem (fiz esse post corrido) para postar. Estou muito feliz com o resultado de vocês. Sucesso para todos!!!!

29 de jul. de 2011

Índice Big Mac - Julho / 2011


 O Brasil continua cada vez mais outlier (fora da linha - vide gráfico) quando se compara o preço do seu Big Mac com o dos outros países. O Índice Big Mac (Big Mac Index) utiliza dois métodos para comparar o preço do sanduíche entre os diversos países que participam da amostra: o primeiro consiste em comparar o preço em dólar com o praticado nos Estados Unidos e o segundo comparar o preço ajustado ao PIB per capita. Pelo primeiro método o nosso Big Mac está com uma supervalorização de 52% , e pelo segundo quase 150%. 

Em termos comparativos temos o Big Mac mais caro do mundo! O Big Mac custa no Brasil US$ 6,16 contra US$ 4,07 nos EUA, US$ 2,27 na China e US$ 1,89 na Índia. Em termos absolutos apenas três países possuem Big Macs mais caros que o Brasil: Noruega (US$ 8,31), Suiça (US$ 8,06) e Suécia (US$ 7,64), no entanto são economias em que as pessoas ganham substancialmente mais que no Brasil, e que portanto em termos relativos o Sanduíche sai bem mais barato para a população.

As implicações do preço exagerado do Big Mac no Brasil são mais profundas e podem apontar para um Real supervalorizado. Do ponto de vista do investidor isso pode representar uma ótima oportunidade de investimento ao apostar em outras moedas, ou seja na desvalorização do Real, o grande problema é em qual moeda apostar uma vez que as principais moedas, o Dólar e o Euro estão sofrendo bastante com os problemas fiscais dos Estados Unidos e da Europa.


28 de jul. de 2011

Feedback

Uma das coisas legais da profissão de professor é poder ajudar as pessoas. Acho que quando meus alunos são aprovados (isso acontece sempre!) fico mais feliz do que eles. E fico mais feliz ainda quando recebo a gratidão deles, como esses e-mails recebidos nas últimas semanas que compartilho com vocês abaixo:

(Ancord SP)
Boa noite Professor,



Como está a semana? Muita correria? Lembre-se de abraçar seus filhos ao chegar em casa.

Bem professor...
Estou enviando este email para agradecer a aula do último domingo em SP. Foi bastante esclarecedora e, me ajudou muito a ser APROVADO no exame da ANCOR.
Fiz o exame ontem e acertei 67 das 80 questões.
Acredito que você ficará feliz em saber que participou dessa conquista.Muito obrigado.


Abraço,

Marco A. T. de Oliveira
 
(Ancord SP)
Prezada Luciana, bom dia.



A aula do professor Antônio Amorim foi excelente e decisiva para minha aprovação.... É isso mesmo, fiz a prova ontem e fui APROVADO!

Qual é o próximo passo?

João Alberto R. Araújo (Beto)
Sauer Seguros

(CPA 10)
Quero compartilhar com vocês minha alegria informando-lhes que passei no exame CPA-10 com 84% de aproveitamento, 42 acertos em 50 questões.



Quero agrader a importantíssima contribuição de vocês. Saibam que estou divulgando o curso pois fiquei bastante satisfeito.


E quando houver outra turma para CPA-20 eu quero ficar informado, a desse mês fica muito em cima para eu entrar... Mas quero fazer ainda este ano!


Muito obrigado!


Abração!
Tiago Valença Brandão


CPA10
Bom Dia Dorotéia e Antonio!



Gostaria de informar que foi aprovado no exame ANBIMA CPA-10 com desempenho de 82%, também quero agradecer todo o empenho e dedicação dispensado a mim e toda a turma durante esse processo, sem vocês seria muito mais difícil!

Confesso que após receber o resultado fique mais empolgado para enfrentar a CPA 20 e quero contar com vocês novamente...


Grande Abraço,
Dyego Dantas.
CPA 10
Professor



Dos 05 que fizeram a prova esta semana, 04 já passaram e 01 esta aguardando resposta.


Segue minha aprovação.

Valeu as aulas


Karina Mariano
Bradesco

CPA 20
Quero compartilhar com todos vcs esta conquista!.!



Pessoal Passei na ANBIMA (cpa20), Graças a Deus, os finais de semana no curso, o treinamento e todos aqueles dias estudando valeram MUITO a pena, Mais sem Deus nada seria possível.


Agradeço muito pelo apoio de todos que torceram por mim, agora posso dizer: SOU CERTIFICADA uhuuuuuuuuuuuuuuuuuu rsrsrs


Bjinhos

Gláucia Lopes Feitosa
Santander Global Banking & Markets
Treasury Sales – Foreign Exchange

 
CPA 10
 
Olá Antonio, recebi meu resultado ontem, obrigada mais uma vez pelas aulas.


Maria Eduarda Nunes


Gerente de Novos Negócios

Prezada Maria Eduarda Nunes Coelho Muniz,

Parabéns pela sua aprovação no EXAME ONLINE DE CERTIFICAÇÃO CPA-10. O seu desempenho no exame foi de 90%, correspondente a 45 questões certas.
 
Além de dezenas de outros na caixa de e-mail e facebook. Legal né?  Sou muito feliz com o que faço. Que as coisas continuem assim!

Turmas em Série: + 1 curso PREPARATÓRIO ANBID / ANBIMA CPA 10





































































Quer notícias atualizadas sobre cursos presencias para CPA 10 e CPA 20? Entre em www.antonioamorim.com












Olá Pessoal,

Turmas em série: Estamos começando mais uma turma de CPA 10 na próxima semana. Serão 8 encontros, todos no turno da noite, na nossa nova metodologia incorporamos os exercícios (e correção) dentro do horário de aula, já que muita gente não tinha tempo para fazer em casa, nossa taxa de aprovação está elevadíssima.

As nossas portas estão abertas para ex-alunos que ainda não fizeram as provas por motivos diversos. Basta confirmar a presença.

Quem tiver interesse basta fazer a inscrição aqui no blog:  CADASTRO DE INTERESSADOS (aba ao lado), entraremos em contato informando local, valores e condições de pagamento.

Conto mais uma vez com a ajuda de vocês na divulgação.
Grande Abraço para Todos,

27 de jul. de 2011

Dívida Externa Brasileira Aumenta

Para quem se interessa pelo tema : A dívida externa brasileira voltou a crescer assustadoramente nos últimos dois anos.

Antes de falar mal do governo saiba que a dívida externa que estamos tratando é a dívida externa total, composta por dívida privada e pública.












A dívida do governo desde o início da década mantém-se no patamar de US$ 100 bilhões, no entanto a dívida privada (bancos e empresa) mais do que dobrou desde 2009, chegando a US$ 214 bilhões. A motivação para ir buscar empréstimos lá fora explica-se principalmente na diferença entre a taxa de juros interna e externa que é gritante: é muito mais barato tomar empréstimos no exterior, com possibilidade inclusive de fazer arbitragem com juros, ou seja pegar barato lá fora e emprestar caro aqui dentro, usando derivativos cambiais para se proteger de eventuais subidas nas taxas de câmbio.